Às vezes pensamos em lançar um novo material, e logo vem à mente um e-book. Daí fica a pergunta, por que não fazer um webinar?

 

A primeira vantagem de um webinar é que quando gravado ele se torna um material em vídeo, publicado no canal da marca e disponível para consulta mesmo após a data da apresentação.

Se você tem dificuldade de escrever, em um formato de vídeo pode ser mais fácil materializar suas ideias do que em um texto. Imagine que você está ligando para um prospect e o convencendo a comprar seu produto, quais as dúvidas que ele tem? Você poderia ter o mesmo discurso sendo transmitido em um vídeo para vários prospects simultaneamente.

 

Gostou da ideia? Acompanhe o texto e veja como fazer seu próprio conteúdo:

Como organizar um webinar?

Planeje

Se você pretende fazer um webinar, é preciso começar a pensar nele com pelo menos um mês de antecedência. Considere que você ainda vai precisar divulgá-lo, as pessoas precisam saber da data antes para reservar a agenda para participar, você precisa preparar todos os materiais, então, um mês não é tanto tempo!

Para o planejamento:

  • Crie objetivos mensuráveis.
  • Defina seu público-alvo.
  • Escolha um tema de domínio e que tenha aderência com seu
    público-alvo.
  • Defina uma data, um horário e o tempo de duração.
  • Crie um título chamativo e os principais tópicos de sua palestra.

Divulgue

Esta etapa é super importante pois para se cadastrar, as pessoas precisam ficar sabendo dele, claro. Comece a divulgação três semanas antes da data definida para o seu webinar.

Canais onde você pode divulgá-lo:

  • Crie as peças para a divulgação nas redes sociais, portais e base de clientes.
  • Prepare de um a três e-mails de lembrete para seu público.
  • Peça para parceiros divulgarem sua palestra.
  • Divulgue uma prévia de seu conteúdo nas redes sociais.

Prepare-se

Apresentar um tópico ao vivo pode não ser uma das experiências mais simples da vida, muita gente acaba ficando nervoso. Você estará online, falando com pessoas que te acompanharão ao vivo, sem gravações, com interação, por isso, prepare-se.

Veja uma lista de itens que devem ser previstos:

  • Prepare sua apresentação.
  • Elabore pesquisas para gerar engajamento com seu público.
  • Selecione materiais complementares para download.
  • Escolha o local de seu webinar.
  • Pense em um local silencioso, com boa iluminação e fundo limpo.
  • Evite paredes escuras e teste sua conexão com o cabo de rede, câmera e microfone. Em caso de imprevistos, você terá tempo para contornar a situação.
  • Teste sua apresentação.
  • Envie mais um e-mail de lembrete.

No dia do webinar

É importante que você garanta a atenção para o webinar, já pensou se o celular toca durante a transmissão? Isso pode interromper a linha de pensamento e quebrar o clima do webinar. Essas dicas vão te ajudar:

  • Feche todas as janelas e aplicativos que não serão utilizados durante a transmissão.
  • Certifique-se de que seu celular está desligado ou no modo silencioso.
  • Conecte-se com 5 minutos de antecedência na plataforma de transmissão.

Lembretes

Para finalizar, um checklist que vai te ajudar a conduzir o webinar com tranquilidade.

  • Inicie no horário combinado.
  • Pergunte se todos estão vendo e ouvindo com clareza.
  • Deixe um relógio à vista.
  • Combine o momento de interação (perguntas e respostas, quizzes etc.).
  • Refira-se aos participantes pelo nome e sobrenome.
  • Feche o seu webinar com criatividade.
  • Deixe sua apresentação liberada para download.

Depois do webinar

Não esqueça de publicar o webinar no seu canal do Youtube e também de programar e-mails para quem se cadastrou para assisti-lo, agradecendo a participação e enviando o link para o webinar gravado, caso alguém tenha perdido.

 

Além disso, acompanhe a quantidade de visualizações do seu vídeo e também se o objetivo que você planejou lá no início foi cumprido.

 

E aí, pronto para transmitir seu webinar? Com este checklist você poderá minimizar os imprevistos e encarar um webinar com mais tranquilidade.