Uma questão que poucos pensam ao investir em ações de marketing digital, como links patrocinados, redes sociais, marketing de conteúdo e e-mail marketing, é na integração de todas essas práticas em alinhamento com os objetivos da empresa. A automação de marketing faz exatamente isso e muito mais, oferecendo uma série de ferramentas para a otimização dos recursos aplicados nas estratégias de marketing digital.

Quer saber mais sobre isso? Entenda agora como a automação de marketing pode impulsionar seus resultados e aumentar o ROI de maneira sustentável e duradoura:

O que é automação de marketing?

A base da automação de marketing é colocar toda a presença digital de uma marca dentro de um “ecossistema” de conteúdos, que vão trabalhar em conjunto para transformar pessoas em contatos, ou leads, para depois se tornarem consumidores. É então que a automação passa a agir diretamente em sua fidelização e retenção.

Além de integrar as ações de marketing digital, uma plataforma de automação de marketing também oferece soluções focadas em duas necessidades vitais para estratégias de alta performance: captação de leads e conversões em vendas.

Captação e qualificação de leads

Para trabalhar com as pessoas que podem ser convertidas em consumidores, o primeiro passo é captar esses contatos. Várias técnicas são usadas neste sentido, como cadastros em newsletters, formulários para downloads de materiais ricos, como e-books, treinamentos, planilhas e relatórios, entre muitos outros.

Uma vez que o usuário fornece seus dados, é necessário qualificar esse contato para posicioná-lo dentro da sua estratégia de conteúdo, com base no funil de conversão.

Nutrição de leads e funil de conversão

Cada usuário é rastreado desde o seu primeiro contato com qualquer material integrante do seu ecossistema de marketing digital. Vamos supor que ele chegue no seu blog por meio de um mecanismo de buscas, e se cadastra para receber a newsletter mensal. Nesse momento ele se torna um lead!

A ferramenta de automação o coloca em uma das etapas do funil, dependendo do conteúdo e das ações anteriores desse contato. O funil de conversão, ou funil de vendas, normalmente é dividido em três etapas:

  • Topo do funil é a etapa de atração, em que o usuário está pesquisando uma solução para alguma necessidade que ele possui;
  • Meio do funil é a consideração, em que o usuário avalia possíveis alternativas para suprir suas necessidades;
  • Fundo do funil é o momento de converter esse lead em cliente e fazer sua retenção ativa.

Dependendo de onde o lead se encaixa no funil de conversão, ele entrará em um fluxo de alimentação de conteúdo, recebendo novas interações, como e-mail marketing, anúncios em redes sociais e remarketing, guiando esse usuário através da jornada de compra até o momento certo de realizar a venda.

Por tudo isso que foi descrito acima, a automação de marketing é o coração do inbound marketing e indispensável na sua implementação!

O papel da automação de marketing para o aumento do ROI

As otimizações proporcionadas por sistemas de automação de marketing são excelentes para se usar em estratégias orientadas por resultados. O tratamento de contatos em um funil de vendas se assemelha muito aos sales pipelines utilizados por equipes de vendas, pelo seu papel de inserir prospects e guiá-los através de uma jornada de compra.

Automatizar ações de marketing libera profissionais da área para se dedicarem a outras tarefas estratégicas que demandam muito tempo. Elas podem ser produção de conteúdo e relacionamento com o cliente nas redes sociais, por exemplo, evitando contratações adicionais e melhorando a produtividade das equipes.

Além disso, soluções de automação de marketing trazem dados de valor estratégico inestimável para o desenvolvimento e planejamento das suas ações digitais. Você direciona todos os esforços para um ROI progressivamente maior à medida que sua audiência aumenta e a reputação da sua marca se torna mais relevante.

Gostou desse artigo? Compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude a informação a circular!