Você já reparou que existe um ponto em comum entre os gestores e profissionais de marketing mais inteligentes? Antes de investir em uma estratégia, eles fazem questão de descobrir em quanto tempo terão um retorno de Inbound Marketing.

Por isso, quando falamos sobre as possibilidades de ter resultados com o Inbound Marketing, é comum que essa questão apareça. Nós, da Rock Content, acreditamos que toda ação de marketing deve ser mensurada e sempre utilizamos indicadores de desempenho.

Entretanto, a verdade é que o tempo necessário para gerar resultados com o Inbound Marketing depende de uma série de fatores. Então, nada melhor do que explicar cada um deles. Com as informações certas em mãos, você poderá tirar suas próprias conclusões.

Pronto para entender melhor? Vamos nessa!

3 fatores que influenciam a velocidade dos resultados com o Inbound Marketing

Frequência das publicações

De modo geral, quanto mais conteúdo você publica e dissemina nas suas redes, mais tráfego (usuários acessando o seu site) você terá. Ou seja, a velocidade dos resultados será maior. Você provavelmente terá mais pessoas se inscrevendo na lista de e-mails, baixando materiais e, eventualmente, se tornando clientes.
Contudo, é muito importante compreender que quantidade não é tudo. Isso nos leva ao segundo fator.

Qualidade das publicações

De nada adianta postar o tempo todo se o seu conteúdo não for relevante. Isso só fará com que sua marca seja ignorada. Então não economize esforços na hora de entregar informações valiosas para o seu público: ofereça realmente o que você tem de melhor. Quanto mais interessante for o seu conteúdo, maiores serão o seu engajamento e a sua taxa de conversão.
Ao mesmo tempo, não deixe o perfeccionismo te parar. A tendência é que seus conteúdos fiquem cada vez melhores com o tempo, por isso o melhor dia para começar é hoje.

Promoção das publicações

Ao começar a trabalhar com Inbound Marketing, muitas empresas cometem uma falha que atrasa bastante os resultados. Esse erro é focar demais na produção de conteúdo e não dar tanta atenção para a divulgação.
Pense bem: do que adianta ter o melhor conteúdo se ninguém ficar sabendo? As redes sociais e as ferramentas de e-mail marketing estão aí para serem usadas. Publique, teste, agende postagens, veja a reação do público. Aprenda com o que gera engajamento e conheça o seu público cada vez melhor. Não poupe energia na hora de mostrar o seu trabalho para o mundo.

Como mensurar o sucesso de uma estratégia de Inbound

O resultado com o Inbound Marketing não é imediato. É necessário ter persistência, mas quem estiver disposto a fazer um trabalho consistente sem dúvida colherá os frutos. Fazendo uma analogia com esportes, o Inbound é como uma maratona, e não uma corrida de cem metros raros.
Dentro de 6 a 8 meses você deverá notar uma “tração”, isto é, a velocidade de crescimento ficará difícil de ignorar. Entre um ou dois anos isso se reverterá em um aumento significativo de trafego, refletindo nas vendas.
Lembrando que você pode influenciar (e encurtar) esse tempo seguindo as dicas anteriores.
Tudo certo até aqui? Bom, chegou a hora de separar os homens dos meninos. Para mensurar o sucesso de uma estratégia você precisa saber onde quer chegar, certo?
Então veja como definir seus objetivos!

O que são KPIs ou indicadores de desempenho?

KPIs (da sigla Key Performance Indicator, em inglês) são os Indicadores-chave de Performance. Já falamos em detalhes sobre eles neste outro post, mas servem, basicamente, para medir se o conjunto de ações tomadas por uma empresa está atingindo ou não os resultados esperados.
Existem milhares de indicadores que podem ser usados, por isso separamos alguns exemplos que podem ser úteis para você. Confira:

Tráfego

O tráfego é um dos pontos mais importantes de qualquer site e costuma servir como base para a definição de objetivos. Contudo, é importante saber que dentro do tráfego existem vários indicadores que podem ser medidos, como: número de visitas únicas, tempo de permanência no site, número de páginas que cada visitante visualiza, taxa de rejeição, entre outros.

Leads

Leads nada mais são do que clientes em potencial. Ou seja, pessoas que demonstraram interesse em manter contato com você ou receber informações sobre os seus produtos e serviços.
Neste caso, você pode optar por medir variáveis como: o número de cadastros na sua newsletter, o custo por aquisição de lead, os assinantes do feed do blog, etc.

Vendas

Se você está estudando este conteúdo é porque deseja vender mais, não é verdade? As vendas são o grande objetivo de praticamente qualquer negócio. Obviamente, também existem indicadores relacionados a elas, como o custo por cliente (CAC) e o ticket médio gasto por cliente.

Otimização: o que realmente importa no fim das contas

Qual é o seu custo atual por aquisição de cliente? Sua empresa já parou para medir esse valor? Aí estão inclusos uma série de itens, como: horas de trabalho dos vendedores, transporte da equipe externa, custos com almoços e reuniões, ligações, materiais gráficos, marketing e publicidade, entre muitos outros.
Através do Inbound Marketing é possível automatizar grande parte desse processo, economizando muito tempo e esforços da equipe — e, consequentemente, dinheiro também. Além disso, o retorno sobre o investimento é calculado com muito mais facilidade. Tudo fica ainda melhor com o uso dos indicadores de desempenho.
Estamos citando tudo isso para falar de uma única coisa: otimização. Ou, em outras palavras, fazer mais com menos. No longo prazo, isso significa mais faturamento com menos gasto de dinheiro e energia.
Também significa muito mais escala: sua empresa ganha a oportunidade de atingir o maior número de potenciais interessados nos seus produtos e serviços. Com o Inbound Marketing, isso acontece de uma forma consistente e sistematizada.

Conclusão

Por mais que os resultados com o Inbound Marketing não apareçam da noite para o dia, o custo de ignorar essa estratégia a longo prazo é alto demais para qualquer empresa. Dependendo do quanto você acertar nas variáveis mostradas neste artigo, seu retorno pode chegar mais rápido — ainda mais se contar com a ajuda de especialistas. De qualquer forma, o mais importante é fazer um trabalho contínuo e de qualidade.

Curtiu esse conteúdo? É provável que você também vá gostar deste outro post: 1.772% de crescimento orgânico em um 1 ano, como é possível e como você pode fazer o mesmo!

Esse conteúdo foi produzido pela equipe da Rock Content.