Muitos profissionais de marketing ainda encontram barreiras ao tentar vender um projeto de inbound marketing dentro de suas empresas. A resistência apresentada por alguns profissionais de outros setores, gerentes e diretores ainda se deve à falta de entendimento do que é, realmente, o inbound marketing, e mais importante: os resultados obtidos. Para ajudar você a vender seu projeto de IM na sua empresa, preparamos este conteúdo, respondendo alguns argumentos comuns de quem ainda resiste à essa estratégia:

►1: “O inbound marketing só dá retorno a longo prazo”

É verdade que o inbound marketing tem como uma de suas diretrizes o foco em otimização de SEO para elevar as chances de seu conteúdo ser encontrado em buscar orgânicas. Apesar de levar tempo, este processo é importantíssimo, ainda mais se levarmos em consideração que, de acordo com a NewsCred, 57% dos leads gerados por empresas do segmento B2B vieram de sites de busca.

Contudo, cai por terra o argumento de que o inbound marketing só dá resultados a  longo prazo, pois uma de suas vantagens é a possibilidade de convergência com outras estratégias digitais. Empresas que precisam gerar tráfego com urgência e não podem esperar para gerar um bom tráfego podem investir, por exemplo, em campanhas patrocinadas em sites de buscas e redes sociais para promover seu conteúdo e garantir resultados imediatos. Segundo a WordStream Research 2012, quase 64% dos links clicados em pesquisas de palavras­chave altamente concorridas são patrocinados.

Contudo, cai por terra o argumento de que o inbound marketing só dá resultados a longo prazo, pois uma de suas vantagens é a possibilidade de convergência com outras estratégias digitais. Empresas que precisam gerar tráfego com urgência e não podem esperar para gerar um bom tráfego podem investir, por exemplo, em campanhas patrocinadas em sites de buscas e redes sociais para promover seu conteúdo e garantir resultados imediatos. Segundo a WordStream Research 2012, quase 64% dos links clicados em pesquisas de palavras­chave altamente concorridas são patrocinados.

 

►2:  “Acho que o custo é alto e o retorno pode ficar  abaixo do esperado”

Aqui, mais um argumento comum que o gestor de marketing enfrenta. Ocorre que quando o inbound marketing surgiu no mercado, destacou­se não somente pelo retorno em geração de leads e vendas, destacou­se também por se comprovar uma estratégia com um custo inferior em relação aos modelos tradicionais de marketing. Segundo a Demand Metric, o marketing de conteúdo, uma das principais ferramentas do inbound marketing, gera até três vezes mais leads que o outbound marketing, custando aproximadamente 62% menos. Portanto, se sua empresa busca uma melhor relação custo­benefício, inbound marketing é a solução.

E o melhor de tudo, todos os resultados são mensuráveis, de forma que seja possível enxergar os custos necessários para chegar até a venda. Essa etapa, inclusive, é essencial para obter sucesso em sua campanha de IM. De acordo com estudo realizado pela HubSpot, empresas que acompanham seu ROI apresentam tendência 20% maior de aumentarem suas receitas.

 

►3:  “Na crise é melhor não arriscar e manter estratégias que sempre deram certo”

É normal que em momentos de economia retraída, as empresas se sintam receosas em alocar seu orçamento de marketing em estratégias que não conhecem. Entretanto, em uma pesquisa recentemente realizada pela Rock Content, com mais de 2 mil profissionais de Marketing, TI, Consultoria, Educação e E­commerce de todo o Brasil, 69% dos entrevistados afirmaram já trabalhar com marketing de conteúdo. Além disso, de acordo com o e­Marketer, 86% dos profissionais de marketing pretendem aumentar seus investimentos na estratégias.

Empresas que não se reinventarem para o digital tendem a ficar para trás. Em momentos de instabilidade financeira, não se pode errar. Investir em uma estratégia mais barata e com maior retorno é o ideal para qualquer empresa, e um bom posicionamento nos meios digitais irá garantir que sua empresa não seja ultrapassada pela concorrência.

 

►4: “Não sei se inbound marketing se aplica em empresas do nosso segmento e do nosso porte”

Essa é uma dúvida muito comum, independente do tamanho e do segmento de sua empresa. Contudo, a resposta é a mesma para as empresas de todos os segmentos: inbound marketing se aplica ao seu negócio, sim. Isso acontece porque os métodos para atrair, se relacionar e converter os leads praticamente não variam de uma estratégia para outra.

Logo, tanto para a empresa de pequeno porte e que conta com um orçamento de marketing menos favorável, quanto para grandes empresas que buscam aumentar seus lucros e difundir suas marcas, inbound marketing é uma ótima ideia. Prova disso é que, segundo pesquisa da Hubspot, 55% das empresas com orçamento de marketing inferior a R$ 25 mil já estão apostando no inbound marketing.

 

Essas dicas foram úteis para você? Compartilhe sua experiência conosco nos comentários e continue acompanhando nosso blog para se manter atualizado!