Se você quer começar (ou renovar) qualquer estratégia relacionada ao marketing digital, criar personas é uma das tarefas mais importantes!

As personas, perfis semi-ficcionais do seu cliente ideal, são a base da criação das suas estratégias.

A partir das dúvidas, preferências, dores e problemas das suas personas, você consegue mapear os melhores canais sociais para a sua empresa, as palavras-chave certas para o marketing de conteúdo e muito mais.

Porém, nem tudo é perfeito! Alguns erros na hora de montar a sua persona podem significar problemas no futuro, interferindo nos resultados alcançados com as suas táticas.

Para você não fazer a mesma coisa, nós, da Rock Content, separamos os 8 maiores erros que não devem ser cometidos ao criar uma persona.

Preparados? Vamos lá!

 

1. Criar personas demais

A gente sabe, criar personas é tão bom para a sua estratégia que a vontade de criar várias é quase inevitável.

Porém, é muito difícil trabalhar um número grande de personas ao mesmo tempo, de forma satisfatória e que gere resultados.

Sendo assim, é preciso focar nas personas mais importantes para o seu negócio, naquele momento.

Você pode até criar mais de 2 ou 3 personas, mas a verdade é que a maioria das empresas consegue trabalhar bem entre 1 e 2 personas.

Mas isso não te impede de mudar a sua persona principal, depois de um tempo!

Quando o seu fluxo de geração e nutrição de leads estiver bem implantado, você pode expandir as suas ações.

 

2. Não alinhar as personas com os objetivos da empresa

Se as personas representam os seus clientes ideais, então elas precisam estar lado a lado com os objetivos da empresa.

Se você deseja gerar mais leads para gerar mais conversões, então suas personas precisam ser montadas para a geração de leads.

Se você deseja fidelizar clientes atuais, sua persona deve ser montada a partir de pessoas que já consomem o seu produto.

Antes de começar a sua pesquisa, procure entender aonde a empresa quer chegar e lembre-se que as personas fazem parte desse caminho.

 

3. Não fazer perguntas o suficiente

Ao montar a sua persona, você vai procurar entender quais são suas dores, dúvidas, problemas e empecilhos.

E como você vai saber isso? Através de perguntas.

As entrevistas com pessoas que se encaixam no perfil da sua persona são excelentes. É uma oportunidade de estar muito próximo e realizar perguntas relevantes.

Então, não desperdice essa oportunidade!

Tire todas as dúvidas que você possa ter sobre a persona e colha todas as informações necessárias para construir a sua persona.

Mesmo que parecer boba, não hesite em fazer uma pergunta que você considera importante.

 

4. Não fazer a pesquisa direito

A base de toda boa persona é uma boa pesquisa.

Ela vai te ajudar a encontrar quem realmente é a sua audiência, como ela se encaixa nos objetivos da sua empresa e até quais perguntas devem ser feitas à ela.

Um erro clássico é não realizar a pesquisa das personas de forma satisfatória, principalmente por quem está montando personas pela primeira vez.

Portanto, faça uma pesquisa sensacional! Você vai ganhar muito tempo depois, se investir um pouco mais em encontrar as informações necessárias para conhecer bem o seu público e criar boas personas.

 

5. Esquecer do seu funil de vendas

O funil de vendas mapeia o conteúdo que vai estar presente em cada um dos estágios entre um visitante se tornar um cliente.

Portanto, é preciso pensar em como a sua persona vai se comportar ao longo do funil de vendas. Qual é o conteúdo que vai fazê-la avançar pelo funil? Como converter no fundo do funil?

Cada persona terá ações diferentes em cada estágio, bem como seu interesse por tipos de conteúdo também não será o mesmo.

Então, ao criar suas personas, lembre-se do funil de vendas!

 

6. Não envolver o seu time no processo

Quem está na linha de batalha tem uma visão diferente do negócio, do produto e dos clientes.

Envolver o seu time no processo de criação de personas é uma oportunidade de criar perfis mais completos e que tenham ainda mais insights para suas estratégias.

Tanto marketing quanto vendas devem fazer parte do processo, já que ambos lidam com as leads, e terão ideias bem interessantes.

Essa também é uma oportunidade de melhorar a definição do SLAservice level agreement – que determina quando uma lead está preparada para passar do marketing para um vendedor.

 

7. Pensar muito no individual e esquecer o todo

As personas são perfis, personagens, que representam o seu cliente ideal.

É muito comum se prender a detalhes, investir muito tempo em informações que não são tão relevantes assim.

Sinceramente, cor dos olhos, cabelo e sobrancelhas não é a sua maior preocupação aqui.

A persona representa características comuns à várias leads, não apenas uma, por isso, é preciso pensar em aspectos gerais, que se enquadrem a um grupo de pessoas.

Caso isso não acontece, o seu negócio pode ficar limitado a conversar apenas com um grupo restrito de usuários e essa não é uma boa ideia.

Para escalar as vendas e continuar conquistando mais compradores, você deve focar nas dúvidas e problemas em comum, e não na individualidade de cada um deles.

 

8. Focar em personas que não compram

As personas são excelentes para ajudar a aumentar as vendas, já que você vai conversar com um público que tem interesse no seu conteúdo.

Então, para que focar em personas que não compram? Procure sempre aquelas que estão dispostas a conhecer a sua empresa, se tornar leads e então, serem convertidas em clientes!

Agora que você já conhece os 8 maiores erros na hora de criar uma persona, é hora de criar as do seu negócio! Se você já tem, pode melhorá-las ainda mais, ou criar novas personas para serem trabalhadas. Se você não tem, essa é a hora!

Aproveite para conferir esse post no blog da Rock Content que vai te ensinar tudo sobre buyer personas e como montá-las. Não deixe de ler, hein? Boa leitura!

Esse post foi escrito pela equipe da Rock Content.