Um dos maiores desafios das empresas é criar e manter um ambiente de trabalho motivador para a sua equipe de marketing. Os líderes são os responsáveis por isso, tendo a difícil missão de mediar conflitos, reter talentos, potencializar habilidades e outras condições essenciais para o bom rendimento dos colaboradores.

Os gestores sabem que essa área precisa ser bem cuidada — afinal, é ali que está sua fonte de clientes e receitas. Neste texto, você conhecerá 4 maneiras de um líder engajar seu time de marketing e de extrair dele os melhores resultados. Acompanhe!

1. Mantenha uma comunicação aberta com sua equipe de marketing

Líderes pouco acessíveis criam um distanciamento em relação aos seus comandados, o que pode causar dificuldades para descobrir problemas internos e entender o que se passa com sua equipe.

Para resolver isso, o ideal é abrir diversos canais de contato com os seus colaboradores como e-mail, chats internos, aplicativos de mensagens e até as tradicionais reuniões e murais, que também ajudam a diminuir essas barreiras.

Dessa maneira, sua equipe se mantém atualizada sobre os desafios organizacionais e os líderes podem solucionar problemas rapidamente. O importante é fazer com que todos tenham liberdade para opinar e ouvir nos momentos necessários.

2. Dê feedbacks constantemente

Essa é outra característica de um bom líder. Os feedbacks fazem — ou deveriam fazer — parte da rotina de todas as empresas. A falta de retorno, tanto de gestores quanto de colaboradores, gera falta de informação e pode fazer com que sua equipe de marketing se sinta desprestigiada.

Por isso, uma comunicação aberta e uma atuação próxima facilitam a vida do líder que tem mais dificuldades em dar feedbacks. O primeiro item ajuda na liberdade de dialogar com um funcionário; o segundo auxilia na percepção do que está sendo feito de maneira certa ou errada. Assim, o time consegue corrigir suas falhas e potencializar seus acertos.

Quando uma crítica negativa for feita ao trabalho de um colaborador, prefira dar esse feedback em particular, pois externar esse tipo de situação pode causar constrangimentos e abalar o clima de toda a equipe.

3. Seja um líder exemplar

O bom líder também precisa servir como referência para seus colaboradores. Isso faz com que suas atitudes, por mais simples que sejam, causem impacto na motivação da sua equipe.

Por exemplo, chegar primeiro na empresa pode representar dedicação; assumir responsabilidades demonstra maturidade e liderança; e manter gestos e posturas positivas reforça o entusiasmo interno.

Além das atitudes, não se esqueça do conhecimento técnico. Sua equipe precisa notar que você está antenado em relação às tendências de marketing, novas metodologias, etc.

4. Saiba delegar responsabilidades corretamente

Uma situação chata para um colaborador é quando ele é designado para uma tarefa com a qual não está familiarizado. Esse é um problema grave de líderes que não reconhecem e não sabem explorar o potencial dos seus comandados. O gestor que é próximo, que ouve os seus funcionários e que observa suas habilidades, tem mais chances de delegar corretamente as tarefas.

Quando cada um exerce aquilo que sabe fazer de melhor, maior será a produtividade da sua equipe.Trata-se de um ponto que o líder deve analisar, pois se não há uma afinidade com a área em questão e há outros colaboradores mais aptos, a escolha deverá ser diferente. O erro faz com que talentos sejam desperdiçados ou, no mínimo, aumenta a insatisfação dos funcionários.

Um bom líder e um bom ambiente de trabalho não só melhoram a qualidade de vida dos funcionários como também influenciam no aumento da produtividade. Se uma equipe está mais motivada, engajada e satisfeita com a empresa, maiores são as chances de entregarem os resultados esperados – e com qualidade.

E aí, viu como tornar sua equipe de marketing mais motivada no trabalho? Para mostrar a outras pessoas como uma boa liderança faz a diferença, compartilhe este post em suas redes sociais!