Empresas com foco no cliente estão cada vez mais cientes de que a presença de um Chief Marketing Officer (CMO) é essencial para que se consiga o devido alinhamento estratégico nas ações de marketing e resultados cada vez mais satisfatórios para o negócio.

À medida que o consumidor fica mais exigente, contar com alguém que realmente entenda o movimento e represente internamente a transformação da empresa a fim de implementar uma ação mais efetiva em relação ao público-alvo é, sem dúvida, o melhor caminho para atingir os objetivos da organização.

Mas o que exatamente faz um Chief Marketing Officer, quais são suas responsabilidades e seus diferenciais? Pois é isso que você vai descobrir no post de hoje. Então confira:

Quem exatamente é esse tal CMO?

Em uma definição clara e objetiva, o Chief Marketing Officer é o principal executivo da empresa, quem lidera as equipes de marketing, vendas, publicidade, desenvolvimento de produto, branding e assim por diante. O foco desse profissional está em fazer o negócio crescer, seja por meio das vendas ou pelo posicionamento da marca no mercado.

O CMO é a pessoa mais indicada para dar diretrizes em relação às estratégias que envolvem o público da empresa, porque compreende, de maneira profunda e bem embasada, as características que determinam as personas do negócio. É ele quem tem uma melhor visão do futuro do negócio, sabe como entregar valor para o cliente e direcionar as competências da sua equipe para gerar resultados.

Quais são suas responsabilidades?

Como está à frente do marketing, é preciso que ele esteja atendo ao mercado, à concorrência e às tendências que se desenham a partir das mais variadas pesquisas e da análise de dados feita pela empresa. A partir desses dados, esse profissional constrói a estratégia de marketing do negócio, tanto on quanto off-line, buscando atender às demandas do mercado com a maior eficiência possível.

Além disso, ele é um articulador, ou seja, uma pessoa que está em constante contato com todos os stakeholders da empresa para integrar esforços e elevar sua competitividade em diversos âmbitos, desde a melhoria da cadeia de suprimentos, passando pela logística e pela distribuição e chegando até o setor de publicidade e propaganda, por exemplo.

Que desafios o CMO enfrenta?

Com uma posição altamente estratégica como essa, o Chief Marketing Officer certamente tem diversos desafios a serem superados, como conseguir elevar o índice de fidelização de clientes, assim como aumentar a receita da empresa, por exemplo. Contudo, com as novas tecnologias, as mídias digitais e a possibilidade de análise de grandes volumes de dados a partir do Big Data, conhecer essas inovações e saber aplicá-las adequadamente para destacar a empresa em um mercado altamente competitivo tem sido, ao mesmo tempo, um de seus principais objetivos e desafios.

Promover uma experiência única do cliente com a marca e adentrar o universo mobile com excelência também são desafios que devem ser superados pelos CMOs do mundo todo nos próximos anos, tendo em vista a quantidade de dispositivos móveis que se proliferam e a adesão massiva da população a essa tecnologia.

Agora nos conte: sua empresa já tem um Chief Marketing Officer? Como ele vê as mudanças provocadas pela evolução da tecnologia e das mídias digitais? Será que esse profissional precisa se reinventar para atender às novas exigências do mercado? Compartilhe suas opiniões conosco e participe da conversa!