Não é novidade que o rápido desenvolvimento tecnológico mudou o mundo. A tecnologia se tornou essencial. Em um mundo conectado, com computadores, chips e visores para todos os lados, temos mais possibilidades de conhecer e nos informar. E isso dá ao setor de tecnologia uma proeminência totalmente nova. A interação gera vínculo que, por sua vez, gera vendas. Despertar o interesse do consumidor é a melhor forma de torná-lo seu mercado. Se o seu alvo é o setor tecnológico é preciso conhecê-lo e cativá-lo. Essa é a premissa por trás do Inbound Marketing.

Trazemos aqui 5 dicas de como otimizar sua relação com seus leads usando a automação de marketing bem sucedida, voltada ao setor de tecnologia.

1. Direcione para seu público

Não basta ter o número de pessoas em potencial como público. Essas pessoas precisam estar interessadas no seu produto.

O público-alvo são os potenciais leads e o conteúdo deve despertá-lo para seu produto. As ações de marketing devem levar em conta o direcionamento especifico e as abordagens humanizadas. Devem gerar interação.

Há uma facilidade em relação ao setor de tecnologia, pois são pessoas mais conectadas e já inseridas nesse mundo tecnológico.

2. Alimente o interesse dos leads

O setor tecnológico avança junto com desenvolvimento tecnológico. Para transformar seus públicos de interesse em leads, você deve estimulá-los a seguir sua marca e criar o interesse potencial em adquirir seu produto.

Quem é desse setor está em busca de inovação, novidades e em saber, antes de todos, o próximo lançamento tecnológico, seja para uso pessoal ou profissional.

A automação de marketing tem um papel fundamental, ao disparar para esses leads novos conteúdos, informações exclusivas e criar um desejo pelo seu produto.

Considere que a maior parte da perda de vendas vem de leads não devidamente nutridos. Não deixe isso acontecer.

3. Gere conteúdo interessante

A ânsia pelo novo pode ser ótima para os negócios. Instigue os seus leads, faça-os desejar pela espera ou antecipação. Mantenha o interesse conquistado no passo anterior.

Gerar conteúdo de interesse para o setor de tecnologia requer finesse em conectar seu produto com os interesses sociais e hobbies dessa área. É importante também que se gere conteúdo relevante, informativo e leve.

E, ao mesmo tempo, ter qualidade no produto vendido, pois o setor tecnológico, especialmente em relação às aquisições profissionais, tende a fazer muitas pesquisas e verificar avaliações de outros clientes por vários canais.

Faça com que queiram ler seu conteúdo e procure formas de atingi-los. A automação poderá ajudar, medindo a conversão do interesse do conteúdo e a recepção por seus leads.

Esse é o desdobramento do estágio acima. Para alimentar o interesse dos leads e converter isso em vendas, é necessário que se interessem pelo conteúdo. É preciso manter sempre a novidade e o desejo pulsando, o bom relacionamento com o consumidor/cliente e incentivar as avaliações.

4. Tenha constância e interação

A automação de marketing permite que se tenha constância na produção, divulgação e alimentação de conteúdo, fazendo com que sua marca não caia no esquecimento ao não ser vista com regularidade.

O setor de tecnologia acompanha o mundo na velocidade atual da troca de informações. Sumir do mercado, mesmo que por pouco tempo, já pode ser um prejuízo terrível.

5. Torne-se um consultor, não um vendedor

A decisão – preferencialmente de compra – depende dos leads. Agir como vendedor e pressionar apenas os afastará, pois as opções são muitas e eles precisam estar autoconvencidos de quererem seu produto. Especialmente, tratando-se de profissionais do setor tecnológico.

Por isso, aja como consultor, dê informações, interaja e mantenha o interesse, ofereça opções. Seu papel ali não é fazê-lo comprar, mas sim ajudá-lo a fazer uma boa escolha.

Automoção de marketing é uma área complexa. O que falamos é a ponta do iceberg de uma rede neural e psicológica de desejos e racionalizações voltada a despertar interesse para um grupo especifico.

As ferramentas como a automoção de marketing têm sido de grande valia nas mãos de profissionais. Contratar uma agência para cuidar da sua marca é a melhor saída para uma automação de marketing bem sucedida.

Tem interesse na automação de marketing? Dúvidas ou contribuições? Compartilhe conosco nos comentários!